Juiz de Direito – Informações sobre a profissão

Categorias: Informações - Juiz - Profissão



Quando somos crianças uma pergunta frequente é o que seremos quando crescer, e muitas vezes as respostas são óbvias, quando crescemos analisamos alguns fatores antes de escolher a área que vamos atuar, e ser um Juiz de Direto muitas vezes entra na lista de possibilidades de quem se simpatiza com a área da justiça.

Mas quem são os Juízes? São agentes concursados do poder da Justiça e carregam consigo a responsabilidade de julgar diversas demandas que geralmente são impostas por interesses e conflitos entre pessoas. É importante para o juiz, velar por uma solução rápida em todos os processos, e também prevenir e reprimir todo e qualquer ato que atente à dignidade da justiça e das pessoas. Antes de entrar na área, é preciso ter o conhecimento de algumas qualidades básicas que um juiz tem que ter, como o gosto pela leitura, uma boa memória, autoconfiança, autocontrole, capacidade de análise, comunicação, síntese, equilíbrio, sensibilidade, coragem, isenção.

Se você se identificou com todas ou a maioria desses adjetivos é um bom indicativo que você pode entrar nessa carreira.

Para se tornar um Juiz é preciso primeiramente ter o diploma de bacharel em Direito e depois prestar o concurso de ingresso na magistratura para juiz.



O concurso cobra um conhecimento aprofundado das matérias judiciais para a realização de provas escritas e orais. Para concorrer ao cargo é preciso ter um prazo mínimo de três anos atuando em alguma atividade jurídica. As atividades dos Juízes no dia a dia são variadas, examinando os autos de processos, proferindo despachos indicando as exigências que tem que ser cumpridas antes de qualquer julgamento, julgando processos, sentenciando nos julgamentos.

Toda a função de Juízes é dividida de acordo com o tema do Direito em questão, por exemplo: a Justiça comum Federal é composta pelos Juízes Federais e Desembargadores do Tribunal Regional Federal; a Justiça comum Estadual é composta pelos Juízes Estaduais e Desembargadores do Tribunal de Justiça; a Justiça do Trabalho é composta por Juízes do Trabalho e a Justiça Eleitoral é composta pelas juntas eleitorais e pelo Tribunal Regional Eleitoral. 

Por Paulo Victor Bragança



Outros Conteúdos Interessantes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *