Vestibular Unicamp 2017 – Inscrições Abertas

Categorias: Campinas - São Paulo - Unicamp - Vestibular 2017

Seleção oferece 3.330 vagas em 70 cursos. Interessados devem se inscrever até o dia 2 de setembro.



Foram abertas na última segunda-feira, dia 8 de agosto, as inscrições para o Vestibular 2017 da Universidade Estadual de Campinas, a Unicamp (Comvest). Realizada a abertura pela Comissão Permanente da instituição, no total serão 3.330 oportunidades em setenta cursos diferentes.

Para se inscrever, é muito simples. Basta fazê-lo pela internet, no endereço eletrônico https://www.comvest.unicamp.br/ e, ainda, pagar uma taxa de inscrição no valor de R$ 160 até o dia máximo de 2 de setembro, que culmina a data para o fim das inscrições do vestibular.

São duas as fases para o processo de seleção. A primeira acontecerá no dia 20 de novembro de 2016. Já a segunda ocorrerá nos seguintes dias: 15, 16 e 17 de janeiro de 2017.

Ainda, é importante destacar que anteriormente aos testes gerais de cada curso, entre os dia 2 e 9 de setembro, ocorrerão os testes de habilidades específicas para aqueles que se candidatarem às vagas relacionadas ao curso de Música. O mesmo acontecerá para os cursos de artes visuais, dança, artes cênicas e arquitetura e urbanismo, porém em data diferente, entre os dias 23 e 26 de janeiro de 2017. O processo é simples. É preciso que nestas datas, os candidatos enviem, de forma online, um vídeo.



Além disso, durante a primeira fase, uma importante mudança foi anunciada pela comissão organizadora do vestibular. Isso porque serão realizadas nesta, 12 questões interdisciplinares que totalizarão 90 perguntas de múltipla escolha. Em um comparativo, no ano de 2016 somente foram realizadas quatro questões interdisciplinares.

Ainda, a Unicamp divulgou que foi ampliada a abrangência do Programa de Ação Afirmativa para Inclusão, o PAAIS. Sendo assim, poderão participar deste os candidatos que cursaram o ensino médio nas escolas públicas e, ainda, os que concluíram o mesmo pelo Exame Nacional do Ensino Médio, o Enem.

O programa se caracteriza pela adição de pontos à nota recebida na primeira fase do vestibular. Sendo assim, o candidato receberá 60 pontos. Além disso, aqueles que se declararem indígenas, pardos ou negros, ou ainda tiverem cursado a escola pública, receberão 20 pontos.

Quem for aprovado para a segunda fase do processo ainda terá 90 pontos relacionados à redação, bem como outras provas da etapa que também recebem um acréscimo de 90 pontos. Os que se declarem nesta fase como negros, indígenas ou pardos, ainda terão mais 30 pontos, totalizando juntamente com os 90, 120 pontos.

Gostou ou quer mais? Pois é importante destacar que as provas serão realizadas em quatro novas cidades este ano, um total, portanto, de 29 municípios. As novas localidades são: Botucatu, Marília, Bragança Paulista e Registro.

Além destas, as demais cidades são: Avaré, Araçatuba, Botucatu, Bauru, Bragança Paulista, Franca, Campinas, Guaratinguetá, Jundiaí, Guarulhos, Limeira, Osasco, Mogi das Cruzes, Mogi Guaçu, Marília, Presidente Prudente, Piracicaba, Registro, Santo André, Ribeirão Preto, Santos, São Carlos, São Bernardo do Campo, São João da Boa Vista, São José dos Campos, São José do Rio Preto, Sorocaba, São Paulo e Sumaré.

Finalizando, quem for de fora do Estado de São Paulo ainda poderá realizar as provas em Brasília, no Distrito Federal.

Kellen Kunz



Outros Conteúdos Interessantes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *